Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.fepecs.edu.br:8443/handle/123456789/1019
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
Title: “Satisfação” e “autoconfiança” em estudantes de Enfermagem e Medicina que vivenciaram atividade simulada: estudo transversal
Other Titles: “Satisfaction” and “self-confidence” in Medical and Nursing students who had simulated clinical experience: cross-sectional study
metadata.dc.creator: Zinato, Sarah Semíramis do Amara
Souza, Cristiane Chaves de
Silva, José Victor Soares da
Salgado, Patrícia de Oliveira
Ribeiro, Cristiano Valério
Sá, Flávia Batista Barbosa de
metadata.dc.description.resumo: Objetivo: avaliar os constructos “satisfação” e “autoconfiança” em estudantes de Enfermagem e Medicina que vivenciaram experiência clínica simulada. Método: estudo transversal realizado em novembro de 2018 com 43 estudantes dos cursos de Medicina e Enfermagem de uma universidade pública federal brasileira. A atividade simulada foi um incidente com múltiplas vítimas em colisão entre ônibus e veículo de passeio. Os constructos “satisfação” e “autoconfiança” foram avaliados ao término da atividade simulada, utilizando a “Escala de Satisfação de Estudantes e Autoconfiança com a Aprendizagem”. Os dados foram analisados no programa SPSS versão 23.0, utilizando estatística descritiva e inferencial. Resultados: dentre os participantes, a maioria era do sexo feminino (27 – 62,7%), com média de idade de 23,32 anos para os alunos de Medicina, e de 23,38 anos para os de Enfermagem. A mediana para ambos os cursos foi o 8º período. Não houve diferença no perfil dos participantes do estudo entre os alunos dos cursos de Medicina e Enfermagem (p>0,05). No geral, os estudantes apresentaram-se mais “satisfeitos” do que “autoconfiantes” com a atividade simulada, houve uma correlação forte e positiva entre os constructos com a atividade simulada. Não houve correlação entre o período do curso dos estudantes, e os níveis de satisfação e autoconfiança (p>0,05). Conclusões: a atividade simulada gerou mais satisfação do que autoconfiança nos estudantes. Quanto maiores os níveis de satisfação, maiores os níveis de autoconfiança com o aprendizado.
Abstract: Objective: to assess the constructs of “satisfaction” and “self-confidence” in nursing and medical students who experenced simulated clinical experiences. Methods: a cross-sectional study was conducted in november 2018 with 43 students from the medicine and nursing courses of a Brazilian federal public university. The simulated activity was a multiple-victim incidente involving a collision between a bus and a passenger vehicle. The constructs of “satisfaction” and “self-confidence” were evaluated at the endof the simulated activity using the “Student Satisfaction and Self-Confidence Scale in Lerning”. Data were analyzed using descriptive and inferential statistics in SPSS version 23.0 program. Results: among the participants, the majority were female (27-62.7%), with a mean age of 23.32 years for medicine students and 23.38 years for nursing students. The median for both courses was the eighth semester. There was no difference in the profile of study participants between medicine and nursing students (p>0.05). Overall, the students reported higher levels of “satisfaction” than ‘self-confidence” with the simulated activity, and there was a strong positive correlation between the constructs and the simulated activity. There was no correlation between the students’ course semester and their levels of satisfaction and self-confidence (p>0.05). Conclusions: the simulated activity generated more satisfaction than self-confidence in the students. Higher levels of satisfaction were associated with higher levels of self-confidence in learning.
Keywords: Treinamento por simulação
Ensino
Medicina de emergência
Medicina
Enfermagem
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ENFERMAGEM
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Escola Superior de Ciências da Saúde
metadata.dc.publisher.initials: ESCS
Citation: ZINATO, S. S. A..; SOUZA, . C. C. .; SILVA, J. V. S. .; SALGADO, P. O.; RIBEIRO, C. V. .; SÁ, F. B. A. “Satisfação” e “autoconfiança” em estudantes de Enfermagem e Medicina que vivenciaram atividade simulada: estudo transversal. Health Residencies Journal - HRJ, [S. l.], v. 5, n. 23, 2024. DOI: 10.51723/hrj.v5i23.898. Disponível em: https://escsresidencias.emnuvens.com.br/hrj/article/view/898. Acesso em: 23 abr. 2024.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.fepecs.edu.br:8443/handle/123456789/1019
Issue Date: 25-Jan-2024
Appears in Collections:Educação em Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
HRJ+v5n23+“Satisfação”+e+“autoconfiança” (1).pdfARTIGO_HRJ_RES_satisfacaoeautoconfiancaemestudantes212,64 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.