Please use this identifier to cite or link to this item: http://10.233.90.10:8080/jspui/handle/prefix/79
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
Title: Perfil nutricional e clínico de pacientes idosos diabéticos internados em uma instituição de média complexidade da rede pública de saúde do Distrito Federal
metadata.dc.creator: Azevedo, Marcela Matos Magalhães de
metadata.dc.description.resumo: Introdução: O diabetes caracteriza‑se por um grupo de doenças metabólicas que envolvem quadro hiperglicêmico. Em relação aos idosos, pode associar‑se com mais ênfase às complicações, disfunções e insuficiência de vários órgãos, comprometendo o padrão de vida do indivíduo. Objetivos: O objetivo do estudo foi analisar o estado nutricional, bem como traçar um breve perfil clínico geral de idosos diabéticos tipo 2 internados na clínica médica de um hospital público de média complexidade, localizado no Distrito Federal.Métodos: O estudo caracterizou‑se por ser do tipo quantitativo, descritivo, observacional, transversal, com amostra por conveniência. Foram consideradas as variáveis clínicas, antropométricas e as respectivas classificações disponíveis na Mini Avaliação Nutricional (MAN). Participaram da pesquisa 22 idosos, de ambos os sexos, com diagnóstico de DM tipo 2 há pelo menos 1 ano.Resultados: Considerando a amostra de 22 idosos, o número de participantes do estudo foi maior entre os indivíduos do sexo feminino (68,18%) e a média de idade concentrou‑se em 71,3 anos. O percentual encontrado para estado nutricional demonstrou que 45,45% dos participantes exibiram excesso de peso. Em relação às causas da internação, o diabetes não constava como causa principal em nenhum dos registros de prontuário. Do total de 22 idosos, 12 apresentaram fonte fidedigna no que concerne à determinação do tempo de diagnóstico, o qual permaneceu, em média, em 9,3 anos. Quanto ao tempo de internação, o período mínimo foi de 7 dias e o intervalo máximo, de 3 meses. Conclusão: O estudo mostrou que o sobrepeso foi o mais frequente principalmente entre os indivíduos do sexo masculino. Em relação à MAN, seriam necessários mais estudos e um número maior de amostra, a fim de avaliar risco nutricional em idosos diabéticos hospitalizados. Pode‑se inferir também que, apesar de não constar como causa principal de internação, o diabetes descompensado está intimamente relacionado às causas primárias elencadas neste estudo, tais como alterações cardíacas, renais e cerebrovasculares. Contudo, mais estudos são necessários para validar esses achados incluindo maior número de idosos diabéticos, em diferentes cenários de atenção ao idoso, diferentes populações brasileiras e por meio de diferentes instrumentos avaliativos.
Abstract: Introduction: Diabetes is characterized by a group of metabolic diseases involving hyperglycemic disease. In relation to the elderly, it can be associated with more emphasis to the complications, dysfunctions and insufficiency of several organs, compromising the life standard of the individual.Objectives: The objective of this study was to analyze the nutritional status, as well as to draw a brief general clinical profile of type 2 diabetic elderly admitted to the medical clinic of a medium complexity public hospital located in the Federal District.Methods: The study was characterized as being of the quantitative, descriptive, observational, cross‑sectional type, with convenience sample. Clinical, anthropometric variables and the respective classifications available in the Mini Nutritional Assessment (MNA) were considered. Twenty‑two elderly men and women with a diagnosis of type 2 DM for at least 1 year participated in the study.Results: Considering the sample of 22 elderly people, the number of participants in the study was higher among the female subjects (68.18%) and the mean age was 71.3 years. The percentage found for nutritional status showed that 45.45% of the participants were overweight. Regarding the causes of hospitalization, diabetes was not the main cause in any of the records. From the total of 22 elderly, 12 presented a reliable source regarding the determination of the time of diagno‑sis, which remained on average in 9.3 years. Regarding the length of hospital stay, the minimum period was 7 days and the maximum inter‑val was 3 months.Conclusion: The study showed that overweight was the most frequent among males. In relation to MNA, further studies and a greater number of samples would be necessary in order to assess nutritional risk in hospitalized diabetic elderly. It can also be inferred that, despite not being the main cause of hospitalization, decompensated diabetes is closely related to the primary causes listed in this study, such as cardiac, renal and cerebrovascular alterations. However, more studies are needed to validate these findings, including a greater number of elderly diabetics, in different care settings for the elderly, different Brazilian populations, and through different assessment instruments.
Keywords: Idoso
Diabetes tipo II
Hospitalização
perfil clínico
Estado nutricional
Risco nutricional
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Escola Superior de Ciências da Saúde
metadata.dc.publisher.initials: ESCS
Citation: AZEVEDO, Marcela Matos Magalhães de. Perfil nutricional e clínico de pacientes idosos diabéticos internados em uma instituição de média complexidade da rede pública de saúde do Distrito Federal. Comunicação em Ciências da Saúde, [S.l.], v. 29, n. 02, p. 81-92, apr. 2019. ISSN 1980-5101. Disponível em: http://www.escs.edu.br/revistaccs/index.php/comunicacaoemcienciasdasaude/article/view/259. Acessado em:
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://10.233.90.10:8080/jspui/handle/prefix/79
Issue Date: 15-Apr-2019
Appears in Collections:Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
259-24-1150-1-10-20190415.pdfAzevedo, Marcela - CCS 29_2369,8 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.